terça-feira, 30 de dezembro de 2014

Porque dormir junto não é dormir

Com mais de 2 milhões de visualizações desde que foi postado, no dia 2 dezembro, o vídeo da americana Esther Anderson é mais nova sensação da internet.
"Toda manhã minha bebê dorme na cama comigo por algumas horas depois que ela acorda para comer. E toda manhã eu me pergunto por que eu simplesmente não a coloquei de volta no berço...", escreveu Esther.
Veja o vídeo e identifique-se! 

Inspirações

Mãe dos trigêmeos Lorenzo, Nicholas e Bernardo, 3 anos, a modelo Isabella Fiorentino é uma dessas pessoas que foi mudada para sempre pela maternidade. Em sua conta pessoal na rede Instagram, ela postou uma foto linda com o filho Bernardo, fazendo um apelo para a economia de água: "Desde muito pequenos, meus filhos tem o hábito de lavar as mãos sempre que chegam em casa e antes das refeições. Hoje, o Bernardo estava comigo quando fui lavar minhas mãos, e ele, muito consciente, me lembrou de fechar a torneira enquanto as ensaboava, pra economizar água! Não é lindo? Eles são os "patrulheiros da água" aqui em casa! Quase todos os dias, um deles solta uma "pérola" dessas, e eu fico babando de orgulho. Meus filhos me inspiram a ter atitudes para um‪#‎FuturoMelhor‬. Quem te inspira?".
E você, o que aprende com os seus filhos?
Via: Revista Crescer


sábado, 27 de dezembro de 2014

quinta-feira, 25 de dezembro de 2014

terça-feira, 23 de dezembro de 2014

Afinal, de onde veio o Papai Noel?

Você já deve ter ouvido falar de São Nicolau, o velhinho bondoso que deu origem ao Papai Noel. Ele era um membro importante da igreja que viveu em Myra, atual Turquia, e distribuía presentes para toda a população – não só para as crianças. Alguns cristãos contam que São Nicolau ajudava as moças mais pobres que não tinham dotes e queriam se casar jogando sacos cheios de moedas de ouro em seus quintais.
Essa é uma das possíveis origens de seu saco de presentes. A história tornou-se oficial em 1823, com o livro Uma Visita de São Nicolau, de Clement Moore. O escritor descreveu um senhor gordo, barbudo e com bochechas e nariz rosados, que levava os presentes em seu trenó comandado por nove renas voadoras. A mais conhecida delas é Rudolph, que tinha o nariz vermelho e brilhante. E por falar em vermelho, a tradicional roupa do Papai Noel como vemos hoje só surgiu no século 20, por uma questão menos histórica e mais comercial: foi a Coca-Cola que vestiu o bom velhinho com a cor de sua marca para atrair o público infantil. Mas essa parte você não precisa contar para o seu filho agora, certo? Por enquanto, fique com a parte mágica do Natal e divirta-se contando para ele como o bom velhinho é chamado em diferentes países do mundo, veja:
Na França: Pere Noel
Nos Estados Unidos e no Canadá: Santa Claus
Na Inglaterra: Father Christmas
Na Finlândia: Joulupukki
Na Rússia: Grandfather Frost ou Baboushka
Na Itália: Belfana ou Babbo Natal
Via: Revista Crescer


segunda-feira, 22 de dezembro de 2014

sexta-feira, 19 de dezembro de 2014

Primavera/verão

Venha conhecer a coleção primavera/verão e garanta os presentes de natal desse ano 


quinta-feira, 18 de dezembro de 2014

quarta-feira, 17 de dezembro de 2014

Estilo Casual

O look certo para que seu filho fique lindo e aproveite muito as férias está aqui! 




terça-feira, 16 de dezembro de 2014

Calendário do Advento

O chamado calendário do advento é uma das maneiras de conter a ansiedade do seu filho até o Natal. A cada dia, você pode colocar uma surpresa nos bolsinhos: pode ser um doce, um bilhete e até um “vale dormir mais tarde” para ele usar quando quiser!
Como fazer:
Material
1 m de feltro verde, 40 cm x 40 cm de feltro marrom, 40 cm x 40 cm de feltros coloridos, 1 m de feltro cinza, 2 m de barbante branco, cola universal para artesanato, cola quente e tinta relevo colorida.
Passo a passo
Recorte o feltro verde em forma de árvore e o feltro marrom em forma de tronco. Emende um no outro e cole no feltro cinza. Agora, recorte 25 bolsos de feltros coloridos de 10 cm x 10 cm e prenda-os com cola universal. Costure à máquina ou à mão para fixar. Escreva os dias nos bolsos a lápis e recorte os barbantes no formato dos números. Contorne a numeração com cola quente e aplique o barbante.
Finalize com a tinta relevo colorida. Corte os feltros coloridos em formatos natalinos e cole nos bolsos. Use a tinta relevo para fazer os detalhes.


sexta-feira, 12 de dezembro de 2014

quinta-feira, 11 de dezembro de 2014

Tarefinhas para os pequenos

Saiba quais são as tarefas para cada idade
Até os 3 anos, você pode ensinar seus filhos a cuidar de seus brinquedos, ajudando-os a guardar e organizar.
Dos 3 aos 4 anos - ainda em forma de brincadeira - já dá para começar a ensinar a vestir as próprias roupas, cuidar dos brinquedos e ajudar os adultos na cozinha a pegar objetos que não ofereçam perigo. É importante que o adulto sempre esteja por perto.
Por volta dos 4 anos, a criança já pode fazer algo sozinha, como trocar a água do cachorro ou recolher o lixo, uma sugestão é estabelecer horários para a criança fazer a tarefa, criando assim uma rotina.
Dos 5 aos 6 anos, seu filho já pode arrumar o próprio quarto e brinquedos, passar pano para tirar o pó, ajudar a por ou tirar a mesa e molhar as plantas.
Entre os 7 e os 9, você pode ensiná-lo a atender o telefone e anotar recados, orientando-o sobre como falar com quem está do outro lado da linha. Nessa idade pode ainda ajudar a cuidar de irmãos mais novos.
Com 10 a 12 anos, a criança já pode aprender a lavar roupas e ajudar os adultos a cozinhar, sempre com supervisão e cuidados com a segurança.
Em famílias com crianças de idades diferentes, é comum que os pais queiram nivelar as atividades pela idade do filho menor, para que todos façam as mesmas tarefas e ninguém se sinta prejudicado. Mas isso não está certo. Os filhos mais velhos devem ter mais responsabilidades, de acordo com sua idade.
Via: Educar para Crescer


quarta-feira, 10 de dezembro de 2014

terça-feira, 9 de dezembro de 2014

Uma ideia simples e eficaz para ajudar na disciplina do seu filho

Uma tabela simples com tarefas e hábitos saudáveis acumulativos de pontos, e algumas posturas negativas que subtraem pontos. Assim, com esse controle, vocês controlam a mesada ou outro tipo de recompensa - juntos! 

A proposta é ajudar o senso de responsabilidade e justiça da criançada, o que você achou? Boa ideia?




sexta-feira, 5 de dezembro de 2014

Babados e mais babados!

E qual pequena princesa que não gosta de babados?

Eles são fofos e charmosos como ela! ;)♥


quinta-feira, 4 de dezembro de 2014

Bons exemplos

Dar responsabilidades para as crianças desde cedo é essencial!

Faz parte da educação de valores e de disciplina para a vida.

As crianças começam imitando os pais nas suas próprias atitudes e formas de cuidar, arrumar, organizar, limpar, cuidar. Por isso é tão essencial o fazer dos pais, antes de dar essas responsabilidades, pois a criança naturalmente irá imitá-los. De início, no seu faz de conta e, depois, na vida real.

#bonsexemplos #lojarodalu #kids #filhos



quarta-feira, 3 de dezembro de 2014

Look para o Verão

Um look bem verão para sua pequena poder brincar e curtir muito a estação preferida das crianças! 





terça-feira, 2 de dezembro de 2014

sexta-feira, 28 de novembro de 2014

Renove o guarda roupa dos pimpolhos

Eles crescem rápido, não é?
Precisando dar uma renovada no guarda roupa do seu filho? Conte com a gente! 




quinta-feira, 27 de novembro de 2014

Berço do Bebê

Qual é hora certa de tirar o seu filho do berço para a cama?

Antes de tudo
Dormir por muito tempo no berço não é um problema se a criança ainda couber confortavelmente e com segurança.

Quando tirar
Não há consenso. Pode ser aos 2, 3 ou 4 anos.

O que observar
Veja como o seu filho se comporta: se aos 2 anos ele tenta pular para dentro ou para fora, não espere mais, pois uma queda pode machucá-lo. Se for mais velho e ainda aceitar o berço, tudo bem. O importante é que consiga descansar e que tenha o espaço necessário para o tamanho dele – note, por exemplo, se fica encolhido ou se consegue se movimentar bem.

Como tirar
Mostre ao seu filho o lado bom de dormir em uma cama: ele está crescendo, terá mais espaço e poderá se deitar sozinho quando quiser, sem que ninguém precise colocá-lo lá. Se for o caso, leve-o para escolher o móvel e opinar sobre lençóis e cobertas novos – isso incentiva o uso da cama. Dê preferência àquelas que são baixas e com grades laterais, para evitar quedas. Para as crianças mais resistentes, uma reforma no quarto pode ajudar. Caso um irmão esteja a caminho e você queira reaproveitar o móvel, tire o filho mais velho do berço ainda durante a gestação, para evitar ciúme: desmonte o berço, guarde-o, e, quando o mais novo estiver para chegar, monte novamente. As crianças costumam aceitar numa boa.

Quando pedir ajuda
Em geral, as crianças não apresentam muitos problemas com a cama nova. Caso perceba algum comportamento específico inesperado, procure auxílio do pediatra.



quarta-feira, 26 de novembro de 2014

Camiseta para colorir

Camiseta de colorir: aquele toque pessoal na sua peça, eles vão adorar!

Inspire a criatividade do seu filho sempre que possível 



terça-feira, 25 de novembro de 2014

Coroa para a Princesa


Que ela é uma princesa a gente sabe! 
Mas que tal essa coroinha para que ela se sinta como tal? A diversão é garantida! 

segunda-feira, 24 de novembro de 2014

Suquinho reforçado

Nem sempre é fácil fazer com que as crianças tenham uma alimentação saudável. Uma dica é misturar legumes com outros ingredientes no preparo de um suco refrescante e saboroso. Essa receita leva cenoura e espinafre. Veja como preparar:

Ingredientes
• 1 pacote de refresco em pó de abacaxi
• 1 litro de água
• 1 cenoura cortada em cubos
• Folhas de espinafre a gosto
• Açúcar, se necessário.

Modo de preparo
Coloque todos os ingredientes e bata no liquidificador.
Sirva em um copo divertido. Coloque folhas de espinafre para enfeitar.

Categoria:1 a 3 anos

Via Bolsa de Mulher - Bebê




quarta-feira, 19 de novembro de 2014

Cores e mais cores!

Que tal uma roupa leve e colorida nesse verão?

Aqui na Rodalu você encontra muita variedade para os pequenos e também para os não tão pequenos assim! Você sabia que temos lindas peças até o número 16? 


terça-feira, 18 de novembro de 2014

Lavagem de bichinhos de Pelúcia

Como lavar bichos de pelúcia? Veja como proteger a saúde das crianças

Eles estão entre os brinquedos preferidos das crianças e, para garantir que a diversão prejudique a saúde dos pequenos, é importante atentar-se à higienização dos bichinhos: as fibras usadas na confecção acumulam pó e microrganismos que estão entre as principais causas de alergia nas crianças.

A lavagem e centrifugação da máquina de lavar podem deformá-los ou quebrar detalhes e enfeites que tenham, por isso, o mais indicado é lavá-los à mão.

Mergulhe o brinquedo – sem pilhas, baterias e sem partes removíveis - em uma bacia com água e sabão em pó neutro e esfregue suavemente as partes que estiverem encardidas. Depois, aperte-o para tirar o excesso de água e deixe secar ao sol.

É importante certificar-se de que o bichinho está completamente seco antes de
guardá-lo – a umidade no enchimento, além de deixar um cheiro ruim, pode favorecer o desenvolvimento de microrganismos.

Dica: após a lavagem, uma boa dica é colocar o bicho em um saco plástico bem vedado e levar ao congelador por um dia inteiro. Isso ajuda a acabar com ácaros - que são prejudiciais à saúde e causam alergia, porque não resistem a baixas temperaturas.

Via Bolsa de Mulher- Bebê





quinta-feira, 13 de novembro de 2014

Estilo surfista

Bermuda estilo "surfista" de vários modelos e cores aqui na nossa loja! Tudo pra deixar seu garoto cheio de estilo 😎





quarta-feira, 12 de novembro de 2014

Legos sempre limpos!

Dica para manter brinquedos estilo lego limpos: Faça essa limpeza com os brinquedos especialmente depois de gripes e resfriados das crianças.

Boa ideia não? :)




quinta-feira, 6 de novembro de 2014

Ideia criativa para Natal

O fim de ano vem aí e junto com ele essa época gostosa que é o natal!

Veja essa ideia criativa e segura para as crianças. :)

A hora de dar adeus às fraldas

O seu bebê está crescendo, tornando-se mais independente e deixando a mamãe mais livre também. É uma nova etapa, uma nova relação entre pais e criança que começa. Será a hora de dar adeus às fraldas?

Os pais não devem ter pressa nesse processo. Uma dica para reconhecer que já pode começar o treinamento é quando a criança aponta ou comunica que está suja ou que está fazendo xixi ou cocô ou então quando se interessa pelo o que os pais ou irmãos vão fazer no banheiro.

Para iniciar o processo, compre um penico de escolha da criança e deixe no lugar em que a criança costuma brincar. A criança deve explorar o penico (não a deixe colocá-lo na cabeça) e ser estimulada a sentar nele com roupa, enquanto os pais explicam para que serve ou brincam com ela.
Quando a criança estiver familiarizada, coloque o penico no banheiro e passe as eliminações da criança da fralda para o penico na presença dela, sempre conversando e explicando o que acontece. Comece a deixar a criança de calcinha ou cueca sentada no penico.

Quando ela conseguir passar uma grande parte do dia seca já se pode retirar a fralda. Não deixe de oferecer o banheiro ao pequenino várias vezes ao dia.

Nunca retarde a ida ao banheiro quando a criança pedir. Respeite seus limites e capacidades. A fralda noturna pode ser retirada quando a criança começa a acordar seca. Isso acontece logo depois do controle diurno. As fezes são controladas um pouco mais posteriormente.

Não puna ou castigue a criança por ter fracassado. Essa atitude só atrapalha o aprendizado da criança. Elogie sem exageros quando a criança obter sucesso. Muitas vezes poderá ficar sentada no penico e no vaso sanitário sem fazer nada e assim que sair urinar ou fazer coco na roupa. É normal, o controle esfincteriano está começando. Limpe a criança e faça tudo de modo natural.

Meninos e meninas aprendem primeiramente sentados. Os meninos devem ser estimulados a fazer xixi em pé como o papai depois do controle já adquirido.
Algumas crianças regredirem nesse processo, pois podem querer chamar a atenção. Um motivo bastante comum para a regressão é a chegada de um novo irmãozinho.

Faça desse momento um período de trocas com seu filho. Dê muito amor e carinho. O único trabalho dos pais é criar condições para que o processo de aprendizado seja o mais descontraído possível.

Via Uol Bebês


quarta-feira, 5 de novembro de 2014

sexta-feira, 31 de outubro de 2014

Verão, ventilador e crianças

Nessa onda de calor, o ventilador faz mal para nossas crianças?

O princípio do ventilador é colocar o ar em movimento, criando uma corrente que refresca o ambiente. Mas imagine o que acontece quando se liga o aparelho em uma sala cheia de poeira, com mofos nas paredes e sem incidência de sol. Exato: todas as partículas alergênicas da sujeira, fungos e bactérias ficam circulando no ambiente, o que pode ser seriamente prejudicial a crianças alérgicas.

Por isso, é imprescindível manter o ambiente sempre limpo. Além disso, o ventilador também precisa ser higienizado, prestando atenção especial às hélices, onde a poeira se deposita. Principalmente no caso dos ventiladores de teto, em que elas ficam fora do campo de visão, é preciso ficar atento.

Lembre-se também de nunca deixar que a corrente de ar incida diretamente na criança, o que pode aumentar o ressecamento das mucosas. Ventiladores de teto devem sempre ser utilizados no modo exaustor, no qual o ar é direcionado para cima, e ventiladores móveis têm de estar posicionados de frente para a parede: assim, o ar bate e volta, e não fica direto no seu filho.



quinta-feira, 30 de outubro de 2014

Crianças que jogam videogame são mais felizes, sociáveis e menos hiperativas

Crianças que jogam videogame por uma hora ou menos, todos os dias, são mais felizes, sociáveis e menos hiperativas, diz um estudo realizado pela Universidade Oxford, na Grã-Bretanha, e publicada no periódico Journal of Paediatrics. 

Para o levantamento, o psicólogo Andrew Przybylski pesquisou mudanças comportamentais em 5.000 crianças britânicas, entre 10 e 15 anos. O especialista concluiu que meninos e meninas dessa faixa etária se mostraram mais felizes e sociáveis e menos hiperativos quando expostos aos jogos por até uma hora diária. Os resultados são piores quando a criança não joga nenhum videogame ou quando passa mais de três horas jogando. "Esse grupo também demonstrou menor tendência a problemas de relacionamento ou emocionais", explicou o acadêmico no estudo.
As crianças que jogam moderadamente — de uma a três horas — não foram afetadas de forma negativa pelo hobby. Já quem joga em excesso — mais de três horas — acaba deixando de exercer outras atividades importantes para o desenvolvimento, segundo o pesquisador.

Via Revista Veja


terça-feira, 28 de outubro de 2014

Canetinha, papel e crianças em roda. É o que basta para momentos de muita criatividade!

Desenho em conjunto

Incentive seus filhos nessa brincadeira. É super saudável e junto com outras crianças eles vão produzir um universo de criatividade juntos. E o resultado é sempre uma surpresa!
O primeiro começa um desenho, para depois de um tempo determinado e se afasta para não vê-lo mais. A folha vai passando pelos demais, que devem dar continuidade ao traço. Ao final, aquele que começou a brincadeira tenta adivinhar o que seu desenho se tornou.

Via Revista Crescer

sexta-feira, 24 de outubro de 2014

Como aliviar a cólica do bebê

Como aliviar a cólica do bebê :D

As cólicas do recém-nascido são provocadas pela imaturidade do sistema digestivo nessa fase. Elas tendem a desaparecer espontaneamente por volta do terceiro mês. Para aliviar o desconforto, faça uma massagem na barriguinha do seu filho com movimentos circulares.

Outra dica é fazer uma compressa no local com uma bolsa de água térmica (morna) ou uma fralda quentinha (basta passá-la a ferro).

Dar o peito durante a crise ou mantê-lo no colo, com a barriguinha dele em contato com a sua, também ajuda. Em último caso, o pediatra pode indicar um medicamento para gases.

Via Revista


quinta-feira, 23 de outubro de 2014